A Weslian, aquela que, em nome do amor, candidatou-se ao governo do Distrito Federal, agora promete coisas que não pode cumprir, para ver se angaria votos dos ignorantes. O pior foi a filha dela, sentindo-se ofendida porque a mãe foi chamada de mulher laranja. Claro que nenhuma mulher quer se ver associada a essa fruta, mesmo que, no sentido político, tenha uma conotação completamente diferente do que ocorre no imaginário feminino comum. Laranja, para elas, é uma fruta associada diretamente à celulite. Creio que a Weslian deve ter alguma celulite, de tanto comer bolinho em chás  de caridade.

Mas a caçulinha do clã devia se preocupar mais com a roubalheira de papai Joaquim. Isso é muito mais vergonhoso do que chamar a mamãezinha dela de laranja, que é o que a cretina é. Em nome do amor? Faça-me o favor. É em nome da submissão. Quem é que, em sã consciência, se submeteria àquele massacre que foi o debate? e quem expõe a própria esposa àquele ridículo?

Agora ela é um hit do youtube, fizeram música com as besteiras que ela falou na ocasião. Ficou, como ela, patético.

Enfim, a família inteira é completamente sem noção. Ou não. Têm total noção de que podem roubar adoidadamente e nada vai acontecer com eles.

0 resposta

  1. Texto interessante e inteligente, provocativo e apelativo (para aqueles que sofrem com esses calos).

  2. Texto interessante e inteligente, provocativo e apelativo (para aqueles que sofrem com esses calos).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.